Quem sou eu

Minha foto
Professora, pesquisadora, historiadora, um ser pensante, em mutação, completamente inacabada.

domingo, 24 de julho de 2022

JARDINS SUSPENSOS NA BABILÔNIA

 


Representação dos jardins suspensos da Babilônia. Disponível em: https://pt.quora.com/Os-Jardins-Suspensos-da-Babil%C3%B4nia-eram-reais. Acesso: 24/07/22.


Babilônia, cidade da Mesopotâmia, tornou-se um grande Império, seu maior desenvolvimento ocorreu no governo de Hamurábi que conquistou muitos territórios e elaborou o Código de Hamurábi, um conjunto de leis que deviam ser obedecidas em todo o Império. O rei de maior destaque foi Nabucodonosor que destruiu a cidade de Jerusalém e levou seus habitantes para a Babilônia. Este rei teria mandado construir os jardins suspensos no século VI a.C. em homenagem à sua esposa Semírames, devido à saudade que ela sentia de sua terra natal, a qual possuía uma florestas e flora abundante. Os jardins eram chamados de suspensos pelo fato de possuir seis andares e cada um deles terem árvores frutíferas e plantas diversas, quem avistavam ao longe, tinham a impressão de que os jardins estavam flutuando. Conta-se que na construção havia uma entrada que dava acesso aos aposentos do rei.

Recentemente a pesquisadora Dr. Sthephanie Dalley, da Universidade de Oxford, encontrou a localização do que seriam os jardins suspensos, segundo a pesquisadora o local preciso seria no território da Assíria, conhecida como Ninevah, atual Iraque. Dalley descobriu também que não foi Nabucodonosor quem construiu os jardins, mas o rei Assírio Senaqueribe há 2700 anos a.C. 

Fonte:

Revista Galileu Galilei- Disponível em: https://revistagalileu.globo.com/Ciencia/noticia/2013/11/encontraram-localizacao-dos-jardins-suspensos-da-babilonia.html; Acesso em: 24/07/2022.



Nenhum comentário: